02 mar 2015

Tired student

Construir ou reformar uma casa são tarefas de muita responsabilidade, que geralmente levam tempo e dinheiro de investimento. É claro que tudo o que queremos é que um projeto dê certo nos mínimos detalhes e que fique do jeito que foi planejado. Em uma obra, qualquer imprevisto pode gerar, além de dor de cabeça, gastos fora do previsto e entregas fora do prazo. Para os profissionais arquitetos e projetistas que trabalham com projeto de casa, sabem utilizar as características do terreno ao seu favor, procurando atender as necessidades do cliente e sua condição orçamentária. Para não correr o risco de cometer os erros comuns em projetos de casas, saiba quais são as maiores falhas na hora de construir um imóvel e fique longe deles!

 

1. Não levar em conta o clima do local

Lugares muito quentes ou muito frios pedem que sejam pensados os materiais específicos para manter o ambiente em temperatura confortável para os moradores. Nos casos extremos, é preciso pensar também nas possibilidades de instalação de aquecedores ou ar condicionados, fazendo com que o ambiente seja bem vedado ou, no caso do calor, bem ventilado. O conforto térmico é muito importante para um imóvel.

 

2. Não considerar a posição do sol

Outro dado importante é a posição do sol com relação ao terreno e à construção da casa. Áreas de serviço, varandas e quintais precisam estar sempre na parte mais iluminada do espaço. Saber onde bate o sol da manhã e qual a incidência dos raios com relação a altura do imóvel evita que se construa uma casa muito quente ou muito fria.

 

3. Não ter planejamento

Organização é tudo para quem deseja que seu projeto seja bem sucedido. Por isso, a calma é amiga do planejamento e não custa nada lembrar que uma boa construção leva tempo para ser feito. Saber o que se quer e o montante de dinheiro disponível para a obra evita que sejam feitas projeções mirabolantes ou que o projeto não acompanhe a condição real da obra.

 

4. Não separar cabeamento de energia com de comunicação

A parte elétrica da casa também precisa de organização e cuidados. Muitos projetos colocam os fios elétricos no mesmo lugar que passam os fios de comunicação, outro erro muito comum. Internet, telefone e TV a cabo precisam ter conduites específicos, evitando a quebra de paredes em caso de reparos e consertos, sem interferir na energia da casa.

 

5. Não ter os acabamentos certos para o tipo de imóvel

Algumas casas pedem acabamentos especiais, como aqueles localizados na praia. A umidade pede que sejam utilizados materiais compatíveis com esse fim, prevenindo contra possíveis infiltrações, rachaduras ou ferrugens. Além da umidade, o sol e o calor também são pontos negativos que pedem materiais resistentes. Os pisos também acompanham o uso do imóvel, não sendo a madeira indicada para ambientes mais isolados e rústicos.

 

6. Não trabalhar com profissionais em projetos de casas

Iniciar uma construção ou reforma sem um projeto definido certamente transformará a obra em um verdadeiro desastre. Falha das mais graves, não ter um profissional para acompanhar o projeto pode acarretar em uma série de conturbações, cujo imóvel fica vulnerável à manutenção constante em curto prazo e ainda corre o risco de embargos da obra e multas por entidades como o CREA , CAU  e prefeituras. Um projeto não serve somente para visualizar o futuro imóvel, mas para trabalhar com detalhes de estrutura e da construção, assegurando que tudo sairá bem e conforme as normas técnicas e exigências das secretarias de obras e urbanismo das prefeituras. Por isso, considere sempre que o projeto de sua casa seja elaborado por profissionais habilitados. Saiba quais as principais perguntas que você deve fazer na hora de elaborar um projeto de casa.

Os sistemas construtivos e de materiais tem evoluído a cada dia, novos materiais surgem a todo momento, bem como atualizações de normas técnicas e exigências de muitos órgãos públicos. Para construir ou reformar um imóvel, é preciso ter em mente os cuidados certos para que tudo saia bem. Não deixe que o projeto dos sonhos vire uma dor de cabeça e saiba como prevenir das possíveis falhas. Você tem alguma experiência negativa em construção? Queremos saber! Conte pra gente, através dos comentários abaixo do post.

Postar um comentário